segunda-feira, 4 de abril de 2011

corpo dentro


...a espera do que não vem engana a certeza do que existe...
coração na mão, fora do tórax
entra coração...bate sozinho...

Nenhum comentário:

Postar um comentário