sábado, 11 de agosto de 2012

de agora...

algumas esperas teimam....tanto....que insistem em ultrapassar até o sono...
e depois, no sonho, ainda sobrevivem...
e despertam junto com o amanhecer...
e...


Nenhum comentário:

Postar um comentário