domingo, 21 de outubro de 2012

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

de agora



rodopio
sequência de circunvoluções
em torno de muitos centros ao mesmo tempo
cada espiral num ponto do caminho
labirintos que se cruzam
na vontade da liberdade
mesmo na complexidade
expressão da palavra como tentativa de remédio e bússola



de agora

eu brinco
de ser quem eu quero dentro de mim
porque fora, não dá tempo

e de tanto brincar
acabo ampliando o meu estar
nos pequenos detalhes do sentir...



de agora

a roda é gigante
acende e apaga
com altos e baixos
pode ser óbvia e muito inusitada
assim como nós...




de agora




na vida, podemos escolher ficar em três níveis diferentes:
pé no chão
mente no céu
e em um lugar bem novo que acabei de aprender:
dependurada...
em um LÁ bemol
em faltas na faculdade
e...
no pescoço de alguém
e por aí vai...

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Musicando


Minhas estações

Oniricamente invento em mim a vida sem tempo
Asas de corvo, outono e incenso
Nas brumas, meus olhos incertos
Me buscam, me trazem pra perto

No meu sentimento, preciso de alento por dentro

Existe um lugar de inverno em mim
Onde entro e encontro um frio sem fim
Deserto parece perene semente sem chão
Que seca sem brilho, sem inspiração

No meu pensamento, preciso de alento por dentro

E quando setembro se aproxima
Trazendo a flor, o perfume puro que anima
É hora de ouvir o canto da vida
Sentir-se inteira, amada e querida

De dentro de mim, recebo o tão desejado alento por dentro


de agora

...tem dia que é assim mesmo:
a gente foge do mundo e corre pra dentro: "entrado em si"
e enquanto o dentro for um lugar bom de estar...
com poesias e pétalas
orvalho e cavalos alados
cheiro de verde e boas melodias
crepúsculos coloridos e brisa fresca
é que está tudo certo
você já sabe o caminho
o seu paraíso está encontrado!
aliás, o meu...


domingo, 7 de outubro de 2012