domingo, 7 de maio de 2017

de "olhares escritos palavras olhadas" com foto de André Luppi

O minúsculo momento em que uma flor se abre...acontece muitas vezes longe dos olhares que parecem ser os mais presentes e atentos. E então, de repente, está tudo descoberto e disponível para a cor e o perfume,
esbanjamento ávido de voo espalhado e surpreendente. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário